Pages Menu
Categories Menu

Posted in Viagens

Lisboa, Porto e Madeira – Sem o medo do idioma

Lisboa, Porto e Madeira – Sem o medo do idioma

Se você planeja visitar Portugal, mas ainda não tem um roteiro traçado, considere conhecer Lisboa, Porto e a Ilha da Madeira. Quer um bom motivo para conhecer esses três locais? O primeiro ponto é que não existe problemas com o idioma. A não ser alguns termos que são diferentes e o modo de falar dos portugueses que é bastante diferente do nosso. Segundo, o pais tem uma história riquíssima que nos aproxima demais dela, já que o Brasil já foi sua colônia. Além, da gastronomia atraente, um dos melhores vinhos do mundo e paisagens exuberantes, desde sua costa até seus colossais castelos.

A culinária portuguesa é riquíssima. Isso porque de séculos para cá, o país sofreu forte influência de muitos povos na gastronomia. Além disso, na época das grandes navegações, os portugueses trouxeram das índias muitas especiarias que acabaram sendo incrementadas na culinária local. Cheia de sabores diferentes e temperos que complementam a maioria dos pratos, o que não poderia faltar também são os peixes e frutos do mar (o bacalhau é uma marca registrada da culinária portuguesa), já que Portugal é banhado de ponta a ponta pelo Oceano Atlântico.

O bacalhau, um dos pratos mais consumidos, é preparado de diversas maneiras diferentes, levando como acompanhamento o curry, batatas, legumes e muitos temperos, além do famoso bacalhau à largueiro, que leva temperos e brócolis em seu preparo.

Imagem de uma travessa de Bacalhau à Largueiro

Bacalhau à Largueiro

Outro prato típico do país, especificamente da cidade de Porto, é a Francesinha. O prato uma mistura de pães com diferentes tipos de carnes, além de linguiça e salsicha, sendo que tudo é coberto com um molho à base de tomate e cerveja.

Foto de um prato típico portugues, conhecido como Francesinha.

Francesinha

Outra iguaria igualmente deliciosa da culinária portuguesa é o arroz de pato, sendo que é comum o consumo desse tipo de carne por lá. O arroz leva como ingredientes carne de pato, bacon presunto e chouriço. O preparo é bem simples e a água de cozimento das carnes é usada para cozinhar o arroz, fixando o gosto dessa maneira. Depois elas são picadas e desfiadas e tudo é misturado.

Quanto às bebidas, o país é muito famoso pela ótima qualidade de produção de vinhos, principalmente o tão conhecido vinho de porto. Apesar do nome, o vinho não é produzido na cidade, mas sim exportado por ela, e por isso ficou conhecido como vinho do porto. Sua fabricação tem uma peculiaridade que a difere dos outros vinhos; a fermentação não é completada até o final, sendo parada logo no inicio, sendo misturada com um aguardente com alto teor alcóolico que dá à bebida um leve tom adocicado, como em um licor.

Imagem de uma bela taça de vinho do porto sobre uma mesa de madeira com sol incidindo sobre o conjunto

Taça de vinho do porto

Os doces portugueses são um destaque certo para qualquer viajante. Desde os tradicionais Pasteis de Belém até os doces feitos nas diversas docerias pelas cidades, a qualidade e o cuidado no preparo são marcas registradas das iguarias portuguesas.

Como chegar aos três destinos – Para começar o roteiro de viagem, o primeiro destino será Lisboa. É bem tranquilo chegar à capital portuguesa, sendo que voos diários saem de muitas cidades do Brasil para lá. A companhia que faz o trajeto é a TAP. Outra opção, e para quem já estiver na Europa será uma alternativa legal, é viajar de cruzeiro.

Para chegar à cidade de Porto, há duas opções: carro, ônibus e trem. Pela estrada A-1, a viagem durará algo em torno de três horas e mais ou menos R$60,00 de pedágio. Há vários trens que partem da capital para Porto, e é uma alternativa interessante, podendo observar pelo caminho as belas paisagens. E ainda poderá escolher viajar de ônibus, e a viagem também durará cerca de três horas.

Já para chegar à Ilha da Madeira, o acesso é um pouco mais restrito, sendo que as duas maneiras de se chegar até lá são de avião, partindo de Lisboa, e de cruzeiro. O país pertence à zona do euro, mas alguns estabelecimentos aceitam o dólar. O mais recomendado é que você leve o dólar e troque lá quando chegar. Atualmente, o dólar está valendo R$3,13 e o euro R$3,49. Um euro está valendo aproximadamente US$1,15. Uma outra opção é comprar Euro diretamente no Brasil, evitando dupla troca de moedas, quando pode-se perder algum dinheiro.

Como é a segurança do país – Portugal não é um dos países mais seguros do mundo. Apesar de em 2014 a ministra da administração interna ter afirmado que a criminalidade reduziu em números relevantes, e o país estar entre os vinte mais seguros no mundo, o índice de criminalidade não é dos mais baixos e ainda há muitos casos de violência no país. Isso, em grande parte, porque a polícia local não tem muito apoio do ministério da administração interna, sendo que os próprios alertaram turistas em 2014 de que o país não é muito seguro. Deve-se evitar andar em praças públicas ou nas ruas muito tarde da noite, pois há várias ocorrências de assaltos e a segurança não é muito reforçada.

Principais atrações locais – Portugal é um país riquíssimo não só na sua história, mas também nas suas paisagens naturais e pontos turísticos. As ruas de Lisboa representam uma beleza histórica ao mesmo tempo em que a Ilha da Madeira e Porto são dotados de belíssimas paisagens naturais. Abaixo, listaremos dois pontos principais de cada um dos destinos, começando pela capital portuguesa.

LISBOA

1- Castelo de São Jorge: Esse monumento construído pelos muçulmanos no século XI passou por inúmeras reformas ao longo da história, a fim de se manter o caráter medieval. O castelo se localizada em um dos pontos mais altos de Lisboa, permitindo aos turistas ter uma vista inesquecível do Rio Tejo. Onze torres foram preservadas e suas escadarias dão acesso às próprias torres e ameias, que são aqueles recortes que ficam no alto das muralhas e torres dos castelos.

Imagem da Murada do Castelo de São Jorge

Castelo de São Jorge

2- Aqueduto das águas livres: O aqueduto é um sistema de captação e distribuição de água pela capital, mas sua bela arquitetura é formada por um grandioso arco talhado em pedra sobre o Vale de Alcântara. O aqueduto segue um percurso de aproximadamente 14 km de distância entre a nascente em Belas e seu reservatório. Possui ao longo de toda a sua estrutura mais de cem arcos que enfeitam toda a sua extensão.

Imagem com o Aqueduto das Águas Livres, visto do alto de uma colina, com a cidade de Lisboa ao fundo

Aqueduto das águas livres

ILHA DA MADEIRA

1- Funchal: Capital da Ilha da Madeira, aquece sua economia principalmente com o turismo. A cidade, além de paisagens naturais lindas, não só de aldeias preservadas como da agricultura que ainda tem forte influência no local. Além disso, na maior parte do ano o clima é bem agradável, dificilmente passando dos 25ºC. No fim do ano, entre o natal e o ano novo, a baía de Funchal vira um espetáculo de luzes e fogos de artifício que fazem da cidade uma das mais belas capitais.

Imagem de parte do Porto de Funchal

Porto de Funchal

2- Mercado dos Lavradores: É um prédio histórico que data de décadas, com uma arquitetura que faz referência ao modernismo. Localizado no centro de Funchal, tem quase 10.000 m² e é todo enfeitado com azulejos decorativos. Em seu interior, há bancas que vendem frutas, peixes e especiarias.

Imagem de uma banca de frutas (vista de cima), no mercado

Barraca de Frutas no Mercado

CIDADE DO PORTO

1- Estação de São Bento: Essa é uma das mais belas estações ferroviárias do mundo. Foi inaugurada há quase cem anos e também opera com estações viárias e metrôs. As paredes da estação são cobertas de azulejos, cobrindo uma grande área de toda a estação, com cenas históricas de Portugal.

Imagem do interior da Estação de São Bento, no Porto em Portugal.

Hall da Estação de São Bento

2- Casa da Música: Projetada por um holandês, esse é um dos pontos mais belos da cidade de Porto. É a principal sala de concertos, e foi inaugurada há apenas dez anos. Sua obra custou mais de cem milhões de euros, mas sua magnificência é tamanha que foi comparada a outras várias salas de concertos das mais importantes do mundo.

Imagem da sala de apresentações da Casa da Música no Porto em Portugal

Sala de apresentações da Casa da música

Esperamos sinceramente que sua viagem para Portugal traga boas recordações e os incentive a conhecer o mundo mais e mais, afinal de contas, “navegar é preciso”.


Para Saber Mais:

Visit Portugal

Associação de Turismo de Lisboa

Visit Porto

Porto e Note de Portugal

Ilha da Madeira

Mais no Matéria Escura

Nova York – Dicas de um Turista Acidental

Budapeste – Visitar, Conhecer e Aproveitar

Praga – Medieval, Histórica e Atual

ME4-icone-50pc

Pin It on Pinterest

Shares
Share This